* Preços válidos somente p/ compras pelo Site, Loja Física consulte (51) 9 9400-3819 comercial/whatsapp

GLUCONATO DE ZINCO 7MG 90 COMPRIMIDOS

  • Marca: SUNDOWN NATURALS
  • Modelo: GLUCONATO DE ZINCO 7MG 90 COMPRIMIDOS
  • Disponibilidade: Em estoque

R$50,06

O zinco é o segundo elemento-traço mais abundante no corpo humano. É um componente essencial para a atividade de mais de 300 enzimas e estabilizador de estruturas moleculares de constituintes citoplasmáticos¹.

As funções zinco podem ser divididas em 3 categorias: estrutural, enzimática e reguladora. O zinco é elemento necessário para síntese proteica, replicação de ácidos nucleicos, divisão celular, metabolismo da somatomedina, modulação da prolactina, ação da insulina e hormônios do timo, tireoide, suprarrenal e testículos. O mineral também é imprescindível para o funcionamento adequado de linfócitos e fibroblastos, o que o torna essencial na defesa imunológica e na cicatrização¹.

A deficiência de zinco pode ter graves conseqüências na infância e adolescência, como retardo no crescimento, aumento na incidência de doenças infecciosas e prejuízo na função cognitiva.² O zinco, além de promover a formação óssea, também desempenha papel importante na inibição da perda óssea, diminuindo sua reabsorção. Considerando o fato de que a osteoporose é um grave problema de saúde pública, é essencial garantir que o pico de massa óssea seja atingido adequadamente durante a adolescência através de hábitos alimentares saudáveis e da prática de atividade física. 

regular. Deve-se garantir o consumo adequado de alimentos ricos em zinco, além da ingestão de outros nutrientes envolvidos na prevenção da osteoporose, como cálcio, vitamina D, proteínas e magnésio³.

Estudos realizados com indivíduos obesos têm mostrado alta prevalência de deficiência de zinco, entre outros minerais. Sugere-se que esse fato esteja relacionado a alterações metabólicas dos hormônios tireoidianos: a falta de zinco compromete a conversão de tiroxina (T4) em triiodotironina (T3), contribuindo para uma redução da taxa metabólica basal4. Além disso, a deficiência de zinco também afeta negativamente a secreção pancreática, a ação periférica da insulina e a ação do hormônio de crescimento (GH), o que prejudica o metabolismo energético nos indivíduos obesos. As manifestações mais comuns de deficiência de zinco são anorexia, alterações no paladar e no comportamento, intolerância à glicose, hipogonadismo, disfunções imunológicas, retardo de crescimento e atraso na maturação sexual. As principais fontes alimentares de zinco são ostras, camarão, carne bovina, de frango e de peixe, fígado, gérmen de trigo, grãos integrais, castanhas, cereais, legumes e tubérculos e sua recomendação é de 7 mg/dia. 

 



INFORMAÇÃO NUTRICIONAL

Porção de 0,22g (1 comprimido)

Quantidade por porção

% VD*

Zinco

7 mg

100

"Não contém quantidade significativa de valor energético, carboidratos, proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas, gorduras trans, fibra alimentar e sódio."



* Valores diário de referência com base em uma dieta de 2.000 kcal, ou 8.400 kJ. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.

Ingredientes: Celulose microcristalina (antiumectante), gluconato de zinco, ácido esteárico vegetal (glaceante), sílica (antiumectante), estearato de magnésio vegetal (coadjuvante de tecnologia).



Referências:
1. COZZOLINO, S. M. F. Biodisponibilidade de Nutrientes. Ed Manole, 4ª edição. 2013. 
2. Salgueiro MJ, Zubillaga MB, Lysionek AE, Caro RA, Weill R, Boccio JR.
The role of zinc in the growth and development of children. Nutrition 2002; 18:510-519. 
3. 27. King JC. Does poor zinc nutriture retard skeletal growth and mineralization in adolescents?
[Editorial]. Am J Clin Nutr 1996; 
4. Marreiro DN, Fisberg M, Cozzolino SMF. Considerações sobre o estado nutricional relativo ao zinco na obesidade.
Cadernos de Nutrição: Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição 1998; 16:31-40.

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
    Ruim           Bom
Imagem antispam